SP: bombeiros controlam incêndio em prédio comercial

03 de julho de 2014 • 02h54 • atualizado às 05h31

Segundo o Corpo de Bombeiros, fogo foi controlado por volta de 1h45 desta quinta-feira

Até a noite, não havia informação sobre o que teria causado as chamas

Foto: Alan Morici / Terra

O incêndio que atingiu um prédio comercial na tarde desta quarta-feira, em Santo Amaro, zona sul de São Paulo, foi controlado pelo Corpo de Bombeiros à 1h45 desta quinta-feira, de acordo com a corporação. Segundo os bombeiros, mesmo após controlar o incêndio, 18 viaturas seguiam no local, na fase de rescaldo, por volta de 5h30.

O fogo começou por volta das 16h45, na rua Senador Dantas. Quarenta e uma viaturas e pelo menos 160 bombeiros foram enviados ao local para combater as chamas.

SP: incêndio de grandes proporções atinge prédio comercialClique no link para iniciar o vídeo

SP: incêndio de grandes proporções atinge prédio comercial

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), em função da ocorrência, a alameda Santo Amaro, sentido único, próximo à rua Paulo Eiró, foi interditada. O local do incêndio fica próximo ao Largo 13.

Por meio de nota, a empresa Armarinhos Fernando, dona do depósito e da loja, informou que, devido à atuação rápida de sua equipe, “todos os funcionários e consumidores foram retirados com segurança” do local. “A Armarinhos Fernando está no aguardo de um parecer da perícia para identificar a causa do incêndio”, diz a nota.

Placas de Sinalização Rota de Fuga

Placas Sinalização Extintores Hidrante

 

 

Raio atinge prédio e destrói parte da estrutura em Praia Grande, SP

Quina da fachada de prédio ficou danificada após ser atingida por raio.

Temporal ocorreu na Baixada Santista por volta das 5h de domingo (12).

Raio atingiu prédio, danificando estrutura em Praia Grande (Foto: Rogério Soares / A Tribuna de Santos)Raio atingiu prédio, danificando estrutura em Praia Grande (Foto: Rogério Soares/A Tribuna de Santos)

A quina da fachada de um prédio em Praia Grande, no litoral de São Paulo, ficou danificada após ter sido atingida por um raio durante um temporal na manhã de domingo (12). O edifício não tinha para-raios, e moradores acabaram tendo seus eletrodomésticos e aparelhos eletrônicos afetados após a descarga elétrica cair sobre a estrutura do prédio.

O temporal ocorreu nas cidades da Baixada Santista por volta das 5h de domingo. Várias ruas ficaram alagadas, mas nenhuma ocorrência grave foi registrada pelo Corpo de Bombeiros. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o fenômeno é comum durante o verão, quando os dias são marcados por calor intenso e tempestades. Nesse último temporal, foram registrados cerca de 40 raios, uma quantidade considerada regular, de acordo com o Inpe

Fonte: G1